SAÚDE- O que são Doenças Metabólicas

Na vanguarda do Síndroma Metabólico, ou Doenças Metabólicas, está o desenvolvimento da Resistência à Insulina que todos nós, incluindo eu, enfrentamos. A insulina é um hormônio metabólico com efeitos anabólicos e reprodutivos. O organismo produz insulina naturalmente para gerir o açúcar no sangue em resposta ao consumo e frequência de certos alimentos, predominantemente os açúcares e a proteina. RESISTÊNCIA À INSULINA é o resultado de níveis excessivos de insulina. Como consequência, doenças metabólicas como a obesidade, diabetes, hipertensão, fígado gordo, ovário poliquístico, apneia do sono e demais podem desenvolver. A função da insulina é normalizar os níveis de açúcar no sangue, convertendo a glicose em reservas de energia e gordura corporal, ao mesmo tempo em que impede o corpo de queimar gordura, levando à obesidade. A insulina também direciona a frutose, ou açúcar da fruta e álcool, para o fígado para ser convertida em LDL e Triglicerídeos. Esses níveis anormais de lipídios levarão à dislipidemia e, eventualmente, podem levar à doença cardiovascular. Outra consequência muito importante da resistência à insulina é o seu impacto na ovulação e fertilidade. Estas doenças afetadas pela hiperinsulinemia são categorizadas como SÍNDROMA METABÓLICO. Se o problema é insulina em excesso, qual a solução? Reduzir a insulina através duma dieta Low-Carb e Jejum Intermitente.

A Insulina e a Dieta Keto

É a insulina que determina a retenção / eliminação (por exemplo de líquidos), se armazenamos ou queimamos (por exemplo gordura), se ganhamos ou perdemos (por exemplo peso). Quando a produção de insulina diminui, a produção de corpos cetogênicos aumenta. Neste caso o corpo elimina / queima / perde. Quando a produção de insulina aumenta (or corpos cetogênicos diminuem), neste caso o corpo retém / armazena / ganha. Quando se entra em cetose (Dieta Keto) a pessoa elimina a retenção de líquidos, queima gordura e perde peso. Consumir uma dieta mais rica em hidratos/carboidratos e/ou comer mais vezes aumenta a produção de insulina. Consumir uma dieta mais baixa em hidratos/carboidratos e comer menos vezes ao dia (Jejum), reduz a produção de insulina.